Perfuração timpânica

Um furo ou ruptura no tímpano, uma membrana fina que separa o canal auditivo do ouvido médio, é chamada de perfuração timpânica. O termo médico para tímpano é membrana timpânica. O ouvido médio é conectado ao nariz por meio da trompa de Eustáquio, que iguala a pressão do ouvido médio com o meio externo(ambiente).

A perfuração timpânica é muitas vezes acompanhada de diminuição da audição e às vezes drenagem de secreção(otorréia). A perfuração pode ser acompanhada de dor, se ela é causada por um trauma ou se tornou-se infectada.



O que causa a perfuração do tímpano?



Um tímpano perfurado pode ocorrer por trauma, infecção ou doenças crônicas da tuba auditiva.



A perfuração do tímpano por trauma pode ocorrer:



• Se o ouvido é atingido diretamente;

• Com uma fratura de crânio,



• Depois de uma explosão repentina,



• Se um objeto (como um grampo ou cotonete) é empurrado demasiadamente para dentro do canal do ouvido.



Infecções do ouvido médio podem causar dor, perda de audição e ruptura espontânea do tímpano, resultando em uma perfuração. Nesta circunstância, pode haver drenagem de sangue ou pús da orelha. Em termos médicos, isso é chamado de otite média com perfuração. Os sintomas da otite média aguda incluem uma sensação de plenitude no ouvido, diminuição da audição, dor e febre.



Em pacientes com problemas crônicos da tuba auditiva, o tímpano pode tornar-se enfraquecido e perfurar.



Em algumas ocasiões, um pequeno orifício pode permanecer no tímpano, após remoção  ou queda de tubos de ventilação previamente colocados.



A maioria das perfurações do tímpano resultantes de trauma ou uma infecção aguda do ouvido cicatrizam expontaneamente dentro de semanas de ruptura, embora algumas possam levar meses para cicatrizar. Durante o processo de cura a orelha deve ser protegido da água e trauma. Perfurações do tímpano que não cicatrizam por conta própria podem exigir cirurgia.



Como a audição é afetada por um tímpano perfurado?



Normalmente, o tamanho da perfuração determina o nível de perda de audição - um furo maior irá causar perda de audição maior do que um pequeno orifício. O local da perfuração também afeta o grau de perda auditiva.

Se ocorrer um trauma grave (por exemplo, fratura de crânio) com lesão dos ossos do ouvido, ou das estruturas do ouvido interno, a perda auditiva pode ser grave.



Se o tímpano perfurado é causada por um súbito evento traumático ou explosivo, a perda de audição pode ser severa e tinnitus (zumbido no ouvido) pode ocorrer. A infecção crónica, como resultado da perfuração, pode causar perda de audição persistente ou progressiva.



Como é tratado um tímpano perfurado?



Antes de tentar qualquer correção da perfuração, um teste de audição deve ser realizado. Os benefícios do fechamento de uma perfuração incluem a prevenção de entrada de água no ouvido médio (o que pode causar infecção no ouvido), diminuição de zumbido e melhora da audição. Também pode prevenir o desenvolvimento de colesteatoma (cisto pele do ouvido médio), o qual pode causar infecção crónica e destruição de estruturas do ouvido.

Se a perfuração é muito pequena, um otorrinolaringologista pode escolher observá-la ao longo do tempo para ver se ela vai fechar espontaneamente. Normalmente, com o fechamento da membrana timpânica, a audição melhora.



Há uma variedade de técnicas cirúrgicas, mas a maioria envolve enxertia de tecidos, tais como a fáscia ou cartilagem em toda a perfuração para permitir a cura. O nome deste procedimento é chamado timpanoplastia. A cirurgia é normalmente bem-sucedida para reparar a perfuração, restabelecer ou melhorar audição.

O seu médico irá aconselhá-lo sobre a gestão adequada de um tímpano perfurado.